[Félix’s Reviews] Alan Wake’s American Nightmare

Categoria: Thirdperson shooter (TPS)

Produtora: Remedy

Distribuidora: Microsoft Game Studios

Plataformas: Xbox 360/PC

 Versão avaliada: PC

1

Alan Wake certamente foi um dos jogos mais desejados nessa geração. Diversas vezes adiado, ele se tornou realidade em 2010, como exclusivo do xbox 360. Ganhou duas DLCs, The Signal e The Writer que garantiam respostas para as diversas dúvidas geradas pelo final do jogo Original. Deve-se deixar claro, a saga de Wake acabou por momento em The Writer. American Nightmare não é uma sequência de Alan Wake.

Então, American Nightmare é o que afinal? O jogo vendido em formato digital pode ser compreendido como um episódio da série televisiva  Night Springs, que de fato existe no jogo original. Nesse episódio, o jogador se aventura em um pesadelo escrito pelo próprio Alan no começo de sua carreira. Na história, ele próprio precisa deter seu alter ego, Mr. Scratch. Um homem que embora seja igual fisicamente ao “guerreiro da luz” tem uma personalidade totalmente oposta.

Mr. Scratch, o sósia de Alan Wake e o grande vilão de American Nightmare

Mr. Scratch, o sósia de Alan Wake e o grande vilão de American Nightmare

Mr. Scratch é onde American Nightmare brilha. O vilão embora não seja muito original, foi representado pelo ator Ilkka Vill (mesmo por trás de Alan Wake) de forma excelente. Se tratando de representação, American Nightmare adota diversas cenas com atores de carne e osso em vez das típicas cenas computadorizadas. As cenas são caprichas e interessantes, garantindo ainda mais a sensação de estar assistindo um episódio de seriado televisivo.

Gráficos do game ganharam uma melhora muito considerável. Embora os eventos do título se passem sempre a noite, os gráficos estão mais coloridos e agradáveis, sem perder o clima sombrio. Os efeitos de luz e sombra continuam um dos mais bacanas vistos nessa geração. Infelizmente nem tudo vai bem. O movimento corporal e facial dos personagens que cruzam o caminho de Wake são bem simplórios e robóticos. O mesmo não ocorre com o protagonista, menos mal.

Gráficos em American Nightmare estão mais vivos e coloridos, mas o clima sombrio do jogo original continua.

Gráficos em American Nightmare estão mais vivos e coloridos, mas o clima sombrio do jogo original continua.

Se Alan Wake original era um título que poderia facilmente ser obra de Stephen King, American Nightmare é mais a cara de Quentin TarantinoEsqueça o clima pesado e assustador de Alan Wake, aqui o medo nunca reina sobre o jogador. O jogo se adapta ao novo estilo de narrativa, se voltando para shooter. Possuímos acesso a armas pesadas, podemos correr por mais tempo antes de Alan cansar e todo o combate foi reformulado para ser mais divertido e menos assustador.

Ao todo são três cenários que visitamos, que embora sejam abertos não são muito grandes. A história te obriga a revisitar os mesmos locais por algumas vezes na tentativa de refazer os passos e corrigir os erros. Só assim Alan poderá deter Mr. Scratch. Ainda existem páginas do manuscrito para serem coletadas e alguns outros itens colecionáveis  O que pode incentivar a exploração.

 American Nightmare possui três cenários abertos.

American Nightmare possui três cenários abertos.

American Nightmare é um título curto. Com média de cinco horas ele é feito para os jogadores que já conhecem o jogo original. Não acrescenta muito ao universo do escritor, mas proporciona uma diversão descompromissada, sólida e interessante. Mr. Scratch prende o jogador até o fim, fazendo até os estranhos outros personagens do enredo se tornarem pequenos detalhes. A luta da luz contra a escuridão agrada mesmo tendo deixado a maioria dos elementos do jogo anterior de lado.

Nota: 7,5

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s