[Tomio’s Review] 3D Dot Game Heroes

Nome: 3D Dot Game Heroes
Produtora: Silicon Studio
Gênero: Aventura
Plataforma(s): Playstation 3
Versão analisada: Japonesa

Almas passadas

3D Dot Game Heroes é um jogo criado pela Silicon Studio em parceria com a criadora de Demon’s Souls, From Software, para Playstation 3.

8 bits HD

3D Dot Game Heroes é um adventure que homenageia a indústria gamística em geral de fora bem humorada. A começar pelos gráficos, que trazem “sprites poligonais”, ou seja, modelos 3D quadriculados, como se o jogador estivesse diante daqueles jogos 8 bits em uma TV enorme. Junto a isso, há também os controles isentos de diagonais, fazendo com que o personagem tenha aqueles movimentos “quadriculados” de antigamente.

Assim como a estrutura, 3D Dot Game Heroes também homenageia jogos específicos, com grande destaque ao famoso Legend of Zelda. Na verdade, esse jogo pode ser considerado muito mais como plágio, ou sátira, pois os elementos de Zelda nesse jogo são massivos, e podem desagradar um pouco fãs do Elfo de roupas verdes. Já outros games aparecem em forma “3D-sprite” nas telas de loadings ou discretamente dentro do jogo.

A parte técnica do jogo faz sua parte muito bem, como bons efeitos de luz, água e texturas convincentes, e alguns detalhes interessantes como os inimigos explodirem em vários “pixels cúbicos” ao serem derrotados. A trilha sonora, novamente, lembra muito Zelda, e isso de certa forma ajuda bastante pra entrar no clima do jogo.

Descobridor dos sete sábios

A história do jogo é bem simples e clichê, mas isso pouco importa. Isso nunca importou em Zelda, importou? Apesar disso, ela é uma ótima desculpa para vasculhar as dungeons e tentar desvendar os vários segredos no mundo do game. Em 3D Dot Game Heroes, o jogador deve conduzir o personagem em busca de 6 sábios com a ajuda de uma fada para combater o sétimo sábio malvado. Difícil mesmo é contar quantos jogos um gamer é capaz de lembrar com esse enredo original.

A minha é longa, grossa, reluzente e solta fogos

3D Dot Game Heroes, como já dito anteriormente, é um adventure que traz muito de Zelda em seu conteúdo. Sendo assim, o jogador estará diante de um grande mapa a ser explorado, com cidades para fazer side quests, compras e ter conversas hilárias com as pessoas, calabouços cheios de mistérios e terríveis inimigos que devem ser derrotados.

Antes de começar a jornada, o jogador é livre para editar seu herói cubo por cubo, ou escolher um pré-definido. Após definir a aparência, deve-se escolher uma das quatro classes: guerreiro, guerreiro mágico, aventureiro ou princesa/principe, cada um com características físicas/mágicas distintas.

O herói tem a disposição uma série de equipamentos para avançar em sua jornada, como o bumerangue, para acertar botões distantes e atordoar inimigos, a bomba para explodir rachaduras, arco e flecha, magias de ataque/suporte e uma…enciclopédia. Equipado com uma poderosa enciclopédia de capa dura e relevo, o herói deve dar livradas na cabeça dos monstros várias vezes para que eles sejam registrados no bestiário, e isso inclui chefões, que inclusive devem levar mais livradas que o comum. Felizmente o jogo é amigável para quem quer completar o bestiário, pois as batalhas contra chefões podem ser repetidas quando quiser.

Além do arsenal que faz o cinto do batman parecer brinquedo de criança, o herói tem a disposição poções e tendas para recuperação de HP e MP, escudo para projéteis e ataques simples, e espadas. Várias espadas. O personagem só ataca para frente, como uma perfurada, portanto, para dar slashs, é preciso girar o direcional de movimentação. Dependendo da eficiência da espada, o personagem pode dar um ataque giratório. Além dos golpes convencionais, há também um sistema de dash que faz o personagem correr em linha reta e espetar o que estiver em sua frente.

A curiosidade não acaba por aí. Quando o personagem está em sua plena forma, ou seja, 100% do HP, sua espada fica comprida, grossa e brilha. Obviamente nesse estado ela é bem mais poderosa. Visitando ferreiros, elas podem se tornar ainda mais imponentes, chegando a ocupar quase toda a tela, soltar bolas de fogo e outras propriedades interessantes, como petrificar os oponentes. Como cada uma possui características únicas, e é possível “resetar” os upgrades de cada uma, ir atrás de novas espadas pode se tornar um ótimo extra.

Para aventureiros de curta e longa data

3D Dot Game Heroes dura em média 15 horas para ser completado com o mínimo de extras feitos, ou seja, apenas seguindo a história e não se enrolando muito nas dungeons.

Para quem gosta de muitas horas de diversão, o jogo é um prato cheio, pois tem muito conteúdo diferenciado. O jogador pode tirar fotos da sua aventura e guardar no HD do PS3, editar personagens e fazer upload dos saves para outras pessoas, caçar espadas, HP e MP extras, explorar locais extras, tentar completar o bestiário, fazer todas as side quests, procurar por curiosidades e outras coisas escondidas pelo mundo.

O jogador pode também perder horas e horas em alguns dos minigames que o jogo oferece, com destaque a uma cópia de Cristal Defenders/Pixel Junk Monsters, que possui tantas fases que pode ser considerado como um jogo a parte. É possível também começar um modo em que o jogador usa um personagem vindo de outro jogo, com características completamente diferentes das classes de heróis disponíveis.

Além disso, o jogo em si possui uma dificuldade acima da média, fazendo com que o jogador avance com certa cautela para não ser massacrado logo de início, coisa que acontece com pessoas que se iludem com o começo razoavelmente fácil mais o fato do tamanho da espada impor respeito.

Cópia bem feita?

3D Dot Game Heroes é definitivamente um jogo que deve ser jogado, seja por saudosistas, fãs de Zelda e adventures em geral, pois possui um trabalho artístico interessante, parte técnica competente, muito conteúdo e muito humor.

Nota: 9,5

Anúncios

Um pensamento sobre “[Tomio’s Review] 3D Dot Game Heroes

  1. Pingback: [The Best] 2010 – 3D Dot Game Heroes « Jogador Pensante

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s